3 de mar de 2010

A dádiva das cicratizes

Ao tentar ligar o computador a triste e ameaçadora surpresa, ele não iniciava. O medo de que algum problema impedisse que eu realizasse tudo aquilo que tinha pra fazer naquele dia logo se confirmou, diagnóstico: após um desligamento inesperado houve uma pane do HD. Porém até este momento nem tudo estava perdido. Até que a frase ameaçadora e indesejável surgiu: “formatar o HD!”.

Pois bem lá fomos nós, antes perder tudo o que não possuía uma cópia de backup (a maior parte), que ficar um fim de semana inteiro e mais alguns dias da semana sem computador e correndo o risco de perder o HD e ter que comprar um novo, pois a garantia havia terminado há exatamente um mês.

Depois de perder quase tudo, pois alguns arquivos felizmente possuíam cópias de segurança, formatar o bendito HD tentar configurar tudo exatamente como era antes; uma ideia surgiu em minha mente: como é bom trazer sempre marcas, cicatrizes e memórias, que nada nem ninguém poderá apagar. Claro que em raríssimos casos como após um acidente ou uma doença degenerativa que afeta a memória algumas lembranças podem desaparecer, mas sem a menor sombra de dúvida ninguém consegue voltar a um estado de completo vazio, voltar a ser como um produto novo, existirão marcas e cicatrizes além da própria idade que a pessoa carrega consigo.

Para muitos, e me incluo nesses, pode haver também lembranças e recordações de outras vidas. Ou então aquelas que resolvemos criar para marcar um momento ou algo importante em determinado momento como as tatuagens.

Decidi não ter mais medo do que pode durar a eternidade de uma existência, pois são essas lembranças e cicatrizes que nos farão lembrar momentos inesquecíveis que ficaram em algum lugar do passado. A história que construímos fica gravada em nossa mente, pele e coração. E tudo que o passado deixa são marcas e lembranças algumas boas e outras nem tanto, porém são essas lembranças que nos conduziram e nos guiaram para um estado futuro e melhor, na maioria das vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário