28 de jul de 2013

talvez explique

meu humor 
tem teimado 
em brincar 
de montanha
r
    u        s   
        s        a

23 de jul de 2013

Dear, I miss you!

Quanta falta você faz! Eu que, infelizmente, estou acostumado a viver, falar e escrever sobre saudade, dor, solidão sigo numa tarefa árdua desde que você se foi. Não há mais aquelas trilhas exatas para o que eu estou sentido. Aliás, até há, mas são sempre as mesmas, sempre as suas. É sempre a sua voz incomparável e inesquecível. Amy, milhares de pessoas lembraram de você hoje, outras tantas, entre as quais me incluo, jamais se esqueceram de você neste dois anos. Dois anos, parece que foi há um mês que a TV anunciava a sua partida... Quanta falta você faz. Há os CDs, DVDs, vídeos no youtube. Mas não há você para dar novos compassos as essas nossas dores. Garota, você me entendia... eu sempre tive certeza disso a cada verso seu que eu ouvia. Você foi a mais bela porta-voz de nós os loucos, intensos, que vivem tudo até a última gota desesperadamente, que necessitam a cada instante de mais e mais amor e não temem o sofrimento...



Ouvindo ela sempre...

21 de jul de 2013

ventania
eu encontro respostas no barulho do vento
acredito na promessa
do tempo
tudo há de dar certo:
dê tempo ao tempo

13 de jul de 2013

mon illusion



o problema é que eu fiquei daquele jeito, 

todo bobo com as gracinhas que Você fez f.
e mesmo me esforçando para não acreditar que você era perfeito
tentando
não me entregar tão de cara
não te espantar a ponto de você sair correndo
não cometer os mesmos erros de todas as outras vezes, do outro mês. 
eu acabei dizendo
sim
sim 
sim
deveria ser a cota suficiente para Você me descartar de vez f.
garotos chatos, mimados, e teimosos não querem mais que curtos casos?
eu acabei despejando em Você todas as minhas ilusões. 
Você tem roubado meus pensamentos nas horas mais impróprias do dia 
desde que acordou resmungando ao meu lado
é em Você que eu penso durante as aulas de francês.
devo ter sido mais um na sua lista de conquistas
Você é mais um na minha de decepções. 

6 de jul de 2013

Sophia dizendo coisas por mim...

...tudo aquilo que eu poderia dizer, pensar ou escrever, de repente, aparece na minha frente nas letras da musa / sibila / poeta: 



É o teu rosto ainda que eu procuro
Através do terror e da distância
Para a reconstrução de um mundo puro.


Sophia de Mello Breyner Andresen



...eu dedico os versos delas para ti, que eu ainda nem sei quem é.