12 de mar de 2017

coração vazio

Há dias em que não é possível ignorar a ausência de alguém ao nosso lado. A cama vazia, o celular que não toca, aliás, toca várias vezes, mas é só mais alguém, não é aquela mensagem ou um convite para ir à padaria DAQUELA pessoa. APESSOA! 
Não falo de solidão, às vezes estamos rodeados de pessoas, até temos com quem trocar beijos, ou transar e tudo mais, no entanto para nisso. É raso, superficial e não satisfaz. Coração vazio, sabe? Falta alguém para preenchê-lo e, também, encher nossa vida de alegria e preocupação. Falta cumplicidade, colo, abraço e a certeza que amanhã a pessoa ainda permanecerá em nossas vidas. 
São nesses momentos que esquecemos todos os sofrimentos que passamos nas paixões anteriores e mesmo inconscientemente, começamos a buscar um nova paixão, sem nos preocupar com os problemas e as dores que se seguirão. 
Porque somos assim, precisamos do frio da barriga, da perna bamba e do sorriso bobo. Aliás, todo mundo fica bobo na melhor parte da história e isso fode tudo... mas é justamente dessa parte que sentimos falta em domingos ensolarados nos quais você não tem ninguém para ir dar uma volta no parque, ou deitar na sua cabeça e ganhar cafuné! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário